Tabus quebrados no Brasil e no mundo: os campeões do fim de semana

[ad_1]

O fim de semana foi repleto de títulos pelo mundo. No Brasil, a grande maioria dos campeonatos estaduais já têm seus campeões. O São Paulo encerrou um longo jejum e garantiu o Paulistão, o Grêmio manteve a hegemonia e levou o Gaúcho, o Atlético-MG empatou com o América-MG e ficou com o Mineiro. Outros campeões foram o Sampaio Corrêa, Paysandu, CSA, Cuiabá, Náutico, Fortaleza, Grêmio Anápolis e Atlético de Alagoinhas. Na Europa, o Atlético de Madri conquistou o Espanhol e ainda rebaixou o time de Ronaldo Fenômeno, a Juventus conquistou uma vaga na próxima Liga dos Campeões, assim como o Chelsea e o Liverpool. Na França, o Lille venceu o Francês e encerrou a sequência de títulos do PSG. Confira, abaixo, um resumo do melhor do fim de semana.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Títulos estaduais pelo país

No Brasil, vários campeões estaduais foram definidos neste fim de semana. Em São Paulo, o Tricolor derrotou o Palmeiras por 2 a 0 e, como a partida de ida terminou zerada, conquistou o Paulistão, que não vencia desde 2005. Os gols da vitória foram marcados por Luan e Luciano.

No Rio Grande do Sul, o Grêmio manteve a hegemonia regional e conquistou o Gaúcho pelo quarto ano seguido. Na Arena, o Imortal empatou por 1 a 1 com o Internacional e, como venceu a ida por 2 a 1, ficou com a taça. Os gols foram anotados por Ferreirinha e Rodrigo Dourado.

Em Minas, o Atlético-MG se sagrou campeão do Campeonato Mineiro após um empate sem gols contra o América-MG, no Mineirão. O placar terminou igual ao da partida de ida, no Independência, e o Galo, dono de melhor campanha na fase de classificação, garantiu o segundo título estadual consecutivo. O jogo ainda contou com um pênalti desperdiçado no início do segundo tempo por Rodolfo, do Coelho.

Em Alagoas, o CSA bateu o arquirrival CRB na decisão e conquistou a taça do Estadual. A partida terminou empatada por 1 a 1 no tempo regulamentar, com gols de Hyuri para o CRB e de Bruno Mota para o CSA, e, como o jogo de ida acabou zerado, foi para as penalidades. No fim, o Azulão venceu por 4 a 3, com o goleiro Thiago Rodrigues defendendo duas cobranças.

No Mato Grosso, o Cuiabá empatou por 1 a 1 com o Operário-VG e, como venceu a partida de ida por 2 a 1, garantiu a taça do Estadual. A equipe comandada pelo técnico Alberto Valentim saiu atrás do placar com gol de Luan Viana, mas garantiu a igualdade com Rafael Gava.

Em Pernambuco, o Náutico garantiu a taça. Depois do empate por 1 a 1, mesmo placar da ida, no tempo regulamentar, com gols de Kieza para o Náutico e Mikael para o Sport, o Timbu ficou com o título após fazer 5 a 3 nas penalidades.

No Ceará, o Fortaleza empatou por 0 a 0 com o Ceará e, por ter a melhor campanha, assegurou a taça do estadual pelo terceiro ano consecutivo. O título é o primeiro de Juan Vojvoda no comando do clube cearense.

No Pará, o Paysandu reverteu a vantagem da Tuna Luso, fez 4 a 1 na Curuzu e assegurou o título estadual pelo segundo ano seguido. Na ida, a Tuna havia ganho por 4 a 2. O Papão marcou com Gabril Barbosa, três vezes, e Igor Goularte. A Tuna descontou com Rangel.

Em Goiás, o Grêmio Anápolis venceu o Vila Nova nos pênaltis por 5 a 4, após o empate por 1 a 1 no tempo normal. O gol do Vila foi anotado por Willian Formiga e o campeão descontou com Vinicius Alves.

Na Bahia, o Atlético de Alagoinhas conquistou de maneira inédita o título do estadual ao derrotar o Bahia de Feira por 3 a 2. Os gols da vitória foram anotados por Iran Almeida, Ronan Cruz e Dionísio. A equipe de Feira de Santana descontou com Eduardo Milhomem e Marcone Oliveira.

No Maranhão, o Sampaio Corrêa derrotou o arquirrival Moto Club por 3 a 1 e garantiu mais uma taça do maranhense. O Sampaio marcou com Ciel, Leandro Pessoa e Anderson Rodrigues. O Moto descontou com Wanderson.

Atlético de Madri campeão do Espanhol e time de Ronaldo rebaixado

Líder do Campeonato Espanhol desde novembro, o Atlético de Madri confirmou o título da competição no sábado, 22. Pela última rodada do torneio, a equipe colchonera entrou em campo contra o Real Valladolid, no estádio José Zorrilla, venceu de virada por 2 a 1, com brilho do artilheiro Luis Suárez, e garantiu a taça pela 11ª vez, encerrando um jejum que durava desde a temporada 2013/14.

Alegria de uns, tristeza de outros. A mesma partida que decretou o título do Atlético também confirmou o rebaixamento do Valladolid, clube que pertence e é presidido pelo ex-atacante Ronaldo Fenômeno. A equipe voltará a disputar a segunda divisão do Campeonato Espanhol depois de três temporadas na elite.

Lille desbanca o PSG e é campeão do Francês

O Lille desbancou o estrelado time do Paris Saint-Germain e venceu o Campeonato Francês. Na última rodada da competição, no domingo, 23, o clube de Lille venceu o Angers fora de casa por 2 a 1 e garantiu a taça que não ganhava desde a temporada 2010/11. O PSG fica com o vice e não consegue ganhar o torneio pela quarta vez seguida.

Vagas em competições europeias definidas no Inglês

A última rodada do Campeonato Inglês, no domingo, 23, determinou os classificados para a próxima edição da Liga dos Campeões. Além dos já classificados Manchester City e United, o Liverpool e o Chelsea carimbaram suas vagas. O Leicester, que também estava na disputa, perdeu em casa e ficou com uma vaga para a Liga Europa da temporada seguinte. O West Ham também garantiu seu lugar na Liga Europa.

Juventus na Liga dos Campeões

Ficou para a última rodada do Campeonato Italiano, mas a Juventus conseguiu uma vaga para a próxima edição da Liga dos Campeões. A equipe de Turim goleou o Bologna por 4 a 1, no estádio Renato Dall’Ara, no domingo, 23, viu o Napoli tropeçar contra o Hellas Verona e carimbou uma vaga na competição européia.

Lewandowski supera recorde de gols no Alemão

A última rodada do Campeonato Alemão foi especial para Robert Lewandowski. No sábado, 22, o atacante polonês marcou um gol na goleada por 5 a 2 do Bayern contra o Augsburg, chegou a 41 tentos em uma única edição da competição e superou o recorde que pertencia ao lendário Gerd Muller. O ex-atacante, também pelo time bávaro, havia marcado 40 gols em uma única edição do Alemão na temporada 1971/72 .

Na mesma partida, o Bayern levantou a taça do Alemão, que conquistou com duas rodadas de antecedência, e se despediu de quatro personagens importantes: o técnico Hans Flick e os defensores David Alaba, Jérôme Boateng e Javi Martínez. Todos foram aplaudidos de pé pelos 250 torcedores que acompanharam o jogo na Allianz Arena.

Benfica termina temporada sem título

A temporada de estreia de Jorge Jesus no retorno ao Benfica não terminou como esperado. Neste domingo, 23, a equipe de Lisboa perdeu a final da Taça de Portugal para o Braga por 2 a 0, e não conseguiu levantar nenhum troféu na temporada 2020/21.

PAOK bate rival e é campeão

Na final da Copa da Grécia, o PAOK derrotou o rival Olympiacos por 2 a 1 e conquistou o título da competição, no sábado, 22. Os gols da vitória foram anotados por Vieirinha e Michael Krmencik, enquanto o adversário descontou com Yann M’Vila.

Continua após a publicidade



[ad_2]

Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *