PLACAR lança o Guia da Libertadores 2021

[ad_1]

Diego e Weverton são destaques do guia PLACARReprodução/Placar

A Copa Libertadores 2021 está prestes a começar e o tradicional guia PLACAR da competição já está disponível nas plataformas digitais. Uma tradição ao longo dos mais de 50 anos de história da revista, a publicação traz uma análise de cada uma das 32 equipes que sonham com a glória eterna, com seu histórico no torneio e a ficha técnica das equipes brasileiras e dos principais concorrentes estrangeiros.

Palmeiras e Flamengo, os últimos campeões, além de Inter, São Paulo, Atlético Mineiro, Santos e Fluminense buscarão o terceiro título consecutivo do futebol nacional, mas terão caminhos complicados, a começar pela fase de grupos. A tradicional edição já está disponível para dispositivos iOS e também Android. e chega às bancas de todo o Brasil a partir da próxima semana. Clique aqui e assine PLACAR com preço especial, a partir de 8,90 reais por mês!

Mantendo um hábito dos últimos anos, PLACAR apresenta no Guia os seus palpites para o torneio, levando em conta não apenas a primeira fase, mas toda a competição. Confira, abaixo, a carta ao leitor:

Os erros e acertos de PLACAR

Em dezembro, com a precisão do relógio do Big Ben, a revista The Economist, criada em 1843, lança uma edição especial com um elenco de tendências que serão notícia no ano seguinte — e, doze meses depois, com a segurança de quem sabe o que faz e a ironia tão querida aos britânicos, os editores fazem uma lista do que acertaram ou erraram, e quase sempre há mais erros. No ano passado, a The Economist praticamente gabaritou nos equívocos, com a eclosão da pandemia, que pôs o mundo de cabeça para baixo, e fez até a China
crescer menos do que se imaginava.

E PLACAR, no Guia da Libertadores de 2020, distribuído antes de a Terra parar por causa do vírus, como foi? Fiquemos apenas com os semifinalistas. Cravamos o Palmeiras (“candidato ao título”), fomos muito bem com o River Plate (“candidato ao título”) e apenas razoáveis com o Boca (“corre por fora”). Mas erramos feio, feio mesmo, com o Santos, com o qual fomos taxativos: “zebra”.

Sim, foi zebra, dirão os amantes da supostamente infalível PLACAR, mas, ao colarmos ao peixe o tradicional mamífero da loteria esportiva, apostávamos que não iria longe, jamais imaginaríamos que chegaria à final no Maracanã. Agora, paraesta edição da Libertadores de
2021, simplificamos os palpites, de modo a torná-los mais precisos, sem direito a permanência em cima do muro — e ano que vem, aqui mesmo, veremos no que vai dar. Para cada um dos 32 times anotamos: “candidato ao título”, “pode surpreender”, “figurante” e “saco de pancadas”. Nas próximas páginas você acompanha a aventura de PLACAR pelo continente.
*
Este Guia da Libertadores chegou aos assinantes e às bancas com atraso de duas semanas, mas há um bom motivo: a redação de PLACAR achou melhor esperar a decisão dos classificados para o torneio e o sorteio dos grupos, até o último segundo, antes de mandar a revista para a gráfica. Obrigado pela espera e até o mês que vem, com o Guia da Copa América e o Guia da Euro.

Continua após a publicidade

[ad_2]

Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *