Casares fala sobre as dívidas do São Paulo e revela que Richarlyson entrará para a calçada da fama

[ad_1]

Julio Casares concedeu uma entrevista exclusiva a Müller, ex-jogador do São Paulo e comentarista da TV Gazeta. Durante a conversa, o mandatário do Tricolor comentou sobre a dificuldade que o clube vem encontrando para diminuir as dívidas herdadas da gestão anterior.




Mais vídeos em
videos.gazetaesportiva.com

“Nós estamos saldando e equacionando dívidas. Não estamos pagando, mas estamos equacionando, pagando partes, alongando, discutindo com credores. E mais do que isso: nós estamos preparando o São Paulo neste ano de muito esforço para que possa, assim como os demais clubes, respirar depois da pandemia e ter ao mesmo tempo um time competitivo”, afirmou Casares.

“Não é fácil, são 15 horas de trabalho por dia e muitas dívidas, mas nós estamos equacionando. Já equacionamos com o Athletico Paranaense (dívida pela transferência de Pablo), estamos negociando com o Dynamo sobre a questão do Tchê Tchê, também temos com o Orlando City (dívida que surgiu no retorno de Kaká)… Nós vamos honrar dentro das nossas possibilidades e dos nossos prazos”, completou.

Casares ainda falou sobre a dívida que o clube do Morumbi tem com Daniel Alves, referente a pendências de direitos de imagem. O presidente ressaltou que as duas partes estão conversando sobre o valor e que a pandemia foi um obstáculo financeiro.

“Se nós conseguirmos um parceiro, nós conseguiremos honrar o que está estabelecido. O que nós estamos tentando com o Daniel Alves é espaçar esse valor. É um valor que nós estamos conversando”, disse Casares.

“O Daniel entendeu bastante o perfil tático e técnico de Crespo e sua comissão técnica, então está sendo um grande valor nos treinos. Nós vamos fazer todo o esforço do mundo. Claro, entendendo o que a pandemia trouxe, o agravamento da questão econômica… isso tudo será colocado na mesa”, adicionou.

Richalyson na calçada da fama

Por fim, Casares garantiu que a calçada da fama do Morumbi passará por uma reforma após o período crítico da pandemia. O presidente revelou que Richarlyson passará a ter o seu nome no local destinado a ídolos do São Paulo.

“Isso é uma reparação. O Richarlyson foi campeão e merece o seu espaço, assim como outros. Neste momento, com tudo parado, nós não podemos trabalhar neste projeto, mas, tão logo volte à normalidade, vamos começar a obra para ter o Richarlyson e mais 20, 25 atletas”, finalizou Casares.

Deixe seu comentário

[ad_2]

Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *