Atlético-MG cai para a Caldense e pode perder liderança do Mineiro

[ad_1]

Em jogo válido pela 6ª rodada do Campeonato Mineiro, a Caldense recebeu o Atlético-MG e venceu de virada, pelo placar de 2 a 1. Esta foi a primeira derrota do Galo na atual temporada e o resultado deixa a corrida pela liderança da competição mais emocionante.

Com 15 pontos, o Atlético-MG se mantém como líder do Mineiro, mas agora possui a mesma pontuação do América-MG, com quem joga na próxima rodada. Esta foi a primeira derrota da equipe desde a rodada 34 do Campeonato Brasileiro, em 3 de fevereiro contra o Goiás.

Do outro lado, a Caldense consolida sua fama de Robin Hood na competição. A equipe comandada por Marcus Grippi venceu Cruzeiro, América-MG e Atlético-MG na temporada, tendo aproveitamento máximo contra os “gigantes” do estadual. O time de Poços de Caldas agora possui 11 pontos, na terceira colocação.

Pela próxima rodada do Campeonato Mineiro, ambos os times volta a campo já neste domingo. Às 11 horas (de Brasília), a Caldense visita o time de Pouso Alegre no Estádio Manduzão. Já o Galo volta ao Mineirão para receber o vice-líder América-MG no jogo das 16 horas.

O jogo – O Atlético-MG encontrou muitas dificuldades para reproduzir o bom futebol que vinha apresentando no Campeonato Mineiro. O gramado e a forte marcação da Caldense foram os principais problemas do time comandado por Cuca.

Mesmo assim, o Galo conseguiu sair na frente, com Keno. O camisa 11 desviou cobrança na área da Caldense feita por Nacho Fernández e conseguiu vencer o goleiro Passarelli. Mesmo atrás do placar, a Caldense não diminuiu seu ritmo e continuou competindo com o líder do Campeonato Mineiro.

A equipe teve uma boa sequência de chances quase no final do primeiro tempo, primeiro com Danilo Belão chutando de longe, aos 38 minutos de jogo. Logo depois, Gabriel Peixoto tentou aproveitar cruzamento na área do Atlético-MG para empatar, mas Everson fez ótima defesa para levar a vantagem para o segundo tempo.

Depois de ameaçar bastante no primeiro tempo, a Caldense finalmente conseguiu seu gol de empate no segundo tempo: aos 4 minutos, Verrone aproveitou ótima bola rolada para trás de Amarildo e chutou forte e rasteiro, vencendo Everson para deixar o placar da partida em 1 a 1.

Depois de empatada, a partida ficou agitada  e com chances de gol para as duas equipes. Mesmo com boas tentativas do Atlético-MG, foi a Caldense que marcou, dessa vez com Gabriel Tonini, aos 36 minutos. O camisa 5 roubou a bola ainda no meio de campo e carregou até chutar forte de fora da área. A bola foi no canto do Galo e confirmou a virada dos donos da casa.

Mesmo ensaiando uma pressão no final do jogo, Cuca não conseguiu fazer seu time vencer a sexta partida no Mineiro.

FICHA TÉCNICA
CALDENSE 2 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Doutor Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas (MG)
Data: 1 de abril de 2021, quinta-feira
Horário: 17h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli
Assistentes: Marconi Helbert Vieira e Samuel Henrique Soares Silva

Cartões amarelos: Rafael Peixoto e Guilherme Pessoa (Caldense); Vargas, Gabriel e Igor Rabello (Atlético-MG)

GOLS: 
Caldense: Verrone, aos 4 minutos do 2º tempo; Gabriel Tonini, aos 36 minutos do 2º tempo
Atlético-MG: Keno, aos 22 minutos do 1º tempo

CALDENSE: Passarelli, Danilo Belão, Jonathan, Guilherme Martins e Verrone; Lucas Silva, Gabriel Tonini e David Lazari (Wagner); Rafael Peixoto (Dênis), Amarildo (Tevez) e Bruno Oliveira
Técnico:  Marcus Grippi

ATLÉTICO-MG:  Everson, Mariano (Igor Rabello), Gabriel, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Zaracho (Hyoran) e Nacho Fernández; Hulk (Eduardo Sasha), Vargas (Savarino) e Keno (Marrony)
Técnico:  Cuca

Deixe seu comentário

[ad_2]

Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *