‘É muito sério’, diz técnica Pia Sundhage sobre denúncias contra Caboclo

‘É muito sério’, diz técnica Pia Sundhage sobre denúncias contra Caboclo

A treinadora da seleção brasileira feminina, a sueca Pia Sundhage, comentou nesta quarta-feira, 10, sobre as denúncias de assédio moral sexual contra o presidente afastado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo, feitas por uma funcionária da entidade. O ex-mandatário foi denunciado formalmente e a investigação conta com áudios, divulgados pelo Fantástico, da TV Globo, nos quais o político faz perguntas constrangedoras e íntimas à colega de trabalho.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

Na última semana, o Conselho de Ética da CBF afastou Caboclo por 30 dias da presidência da entidade. Na véspera de amistoso contra a Rússia, que funciona como preparação para as Olimpíadas de Tóquio, Pia Sundgahe admitiu ter sido impactada pela notícia, mas, em discurso semelhante ao de Tite, pediu que o foco fosse mantido dentro de campo.

“É muito serio, eu gostaria de poder explicar isso em sueco, já que inglês não é a minha língua materna, e nesse caso as palavras são muito importantes. É uma situação séria na qual fomos colocadas. Claro que falamos disso. Você olha e pode ter sua opinião pessoal, mas sim conversamos com as atletas, informamos as atletas o que estava acontecendo, todas tiveram oportunidade de dar opinião e falar”, iniciou.

“Cada uma de nós tem de ter responsabilidade sobre as suas respostas. No fim das contas, temos que olhar para frente. Estamos nos aproximando das Olimpíadas. Sim, fomos um pouco arrebatadas por toda essa situação, e acho que é importante voltarmos o foco para o campo.”, respondeu Pia.

Em busca de uma medalha de ouro inédita, a seleção brasileira caiu no grupo B, ao lado de China, Zâmbia e Holanda, na primeira fase das Olimpíadas de Tóquio. A estreia será contra as asiáticas, dia 21 de julho, no Estádio de Myiagi.


Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

code